"O mundo é bom!"

d01“As crianças trazem consigo ao mundo uma confiança incondicional (…) Quando conversamos a esse respeito com pais, mostrando que as crianças pequenas agem como se o mundo fosse absolutamente bom, confiável e digno de ser imitado, muitas vezes eles retrucam: “Não é bom esclarecer a criança, desde cedo, que isso não é verdade? Que o mundo não é ‘sadio’, que precisamos defender-nos, lutar e proteger-nos?” A pergunta é respondida por si mesma quando dirigirmos o olhar aos olhos cheios de esperança das crianças. Elas próprias são a resposta: ‘abrir os olhos’ a miséria e a desgraça do mundo só pode ter sentido quando a criança já dispõe das forças necessárias para lidar com tais problemas. A ‘abertura precoce dos olhos’ provoca insegurança e fraqueza, e, mais tarde, dúvidas sobre o sentido da própria existência, de difícil superação. Em realidade, a pergunta dos pais deveria ser: “O que podemos fazer para que essa confiança primordial no mundo não seja desiludida? Para que a criança sinta haver adultos a sua volta esforçando-se para que o mundo também seja bom? O que podemos fazer para que no decorrer de seu desenvolvimento ela adquira forças suficientes para lidar igualmente com aquilo que não é bom na vida?” (Extraído de GOEBEL. GLOCKLER, Consultório Pediátrico)

SEJA VOCE O EXEMPLO DA MUDANÇA QUE QUER VER NO MUNDO E NOS SEUS FILHOS… PARTICIPE DOS ENCONTROS PARA PAIS Bee Family!!!


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *